Notícias e entretenimento nerd!

Desvendando a Magia: A Inspiração dos Filmes de Fantasia

No universo cinematográfico, os filmes de fantasia desdobram-se em narrativas que capturam a imaginação e transportam o público para realidades alternativas repletas de magia e aventuras extraordinárias. Mas de onde provém a fagulha criativa que acende a chama dessas histórias fascinantes? Será que as obras literárias são a pedra angular na construção dos mundos fantásticos que tantos adoram nas telonas?

Desde o clássico “Fantasia”, da Walt Disney Pictures, inspirado no poema de Goethe, até filmes que se tornaram referências para fantasias de Halloween como “Abracadabra”, a influência literária é inegável. Mas como essas inspirações se transformam em ícones culturais que transcendem gerações? Quais são as sutilezas e os detalhes que fazem com que tais filmes ressoem tão profundamente no imaginário coletivo? Explore conosco, no Agente Vimos, as fontes literárias que deram vida a alguns dos mais

Inspiração Literária nos Filmes de Fantasia

  • Muitos filmes de fantasia são inspirados em obras literárias clássicas, expandindo universos imaginários para as telas.
  • O icônico “Fantasia” da Disney, lançado em 1940, tem suas raízes no poema “O aprendiz de feiticeiro” de Goethe.
  • O poema de Goethe conta a história de um aprendiz de mago que perde o controle sobre a magia que tentava usar.

Filmes de Fantasia como Inspiração para Fantasias

  • Filmes de fantasia não só encantam o público como também se tornam inspiração para fantasias de Halloween e outras ocasiões.
  • “Abracadabra” da Disney é popular pelo trio de bruxas, as irmãs Sanderson, que são escolhas divertidas para fantasias em grupo.
  • Comédias adolescentes como “As Patricinhas de Beverly Hills” e “Meninas Malvadas” fornecem inspiração para fantasias que capturam a essência dos personagens.
  • Clássicos do cinema como “Grease” e “Uma linda mulher” oferecem opções temáticas para quem busca um toque de nostalgia.
  • O terror também encontra seu lugar com “Carrie, a Estranha”, especialmente a icônica cena do baile para uma fantasia mais sombria.
  • Grupos podem se inspirar em filmes cult como “O Clube dos Cinco” e “The Rocky Horror Picture Show” para criar fantasias coletivas e temáticas.

A inspiração por trás dos grandes filmes de fantasia vem de diversas fontes literárias, como o poema “O aprendiz de feiticeiro” de Goethe, que serviu de base para o filme “Fantasia” da Disney. Outros exemplos incluem “Abracadabra”, que traz as irmãs Sanderson como personagens principais, e filmes como “As Patricinhas de Beverly Hills” e “Meninas Malvadas”, que são fontes de inspiração para fantasias de Halloween. Para quem busca uma fantasia temática, clássicos como “Grease” e “Uma linda mulher” podem ser referências. E não podemos esquecer do terror, com o icônico filme “Carrie, a Estranha” e suas cenas marcantes. Grupos também podem se inspirar em filmes como “O Clube dos Cinco” e “The Rocky Horror Picture Show” para criar fantasias em conjunto. A magia do cinema está presente em cada detalhe dessas produções, encantando e transportando o público para um mundo de fantasia.
A inspiração por trás dos grandes filmes de FANTASIA

A fantasia é um gênero cinematográfico que tem encantado o público há décadas. Desde as histórias épicas de heróis e vilões até os mundos mágicos cheios de criaturas fantásticas, os filmes de fantasia nos transportam para universos imaginários e nos fazem sonhar.

Mas de onde vem a inspiração para esses filmes? Muit

A origem literária dos grandes filmes de Fantasia

No universo cinematográfico, os filmes de fantasia ocupam um lugar de destaque, encantando espectadores de todas as idades com suas narrativas repletas de magia e aventura. No entanto, a essência dessas obras cinematográficas frequentemente encontra suas raízes em textos literários, onde a imaginação humana foi capaz de criar mundos e histórias que transcendem a realidade conhecida.

A relação intrínseca entre literatura e cinema é evidente quando se observa que muitos dos maiores sucessos do gênero fantástico são adaptações diretas de obras literárias. A saga “Harry Potter”, por exemplo, começou nas páginas dos romances de J.K. Rowling antes de se tornar um fenômeno global nas telas. O mesmo se aplica a “O Senhor dos Anéis” e “O Hobbit”, que levaram o legado de J.R.R. Tolkien ao estrelato cinematográfico.

Esses filmes não apenas adaptam as narrativas, mas também expandem os universos criados pelos autores, adicionando detalhes visuais e sonoros que apenas a mídia cinematográfica pode oferecer. A transição da palavra escrita para a imagem em movimento é um processo complexo, que envolve não apenas a fidelidade ao material original, mas também a interpretação artística e técnica dos realizadores.

Elementos sobrenaturais como pilar narrativo

Os elementos sobrenaturais são um pilar central nas obras de fantasia literária e, consequentemente, nos filmes do gênero. Criaturas místicas, feitiços poderosos e objetos encantados são alguns dos aspectos que permitem aos escritores explorar temas como o bem versus o mal, o heroísmo e a luta interna dos personagens. Ao levar esses elementos para o cinema, os diretores têm o desafio de visualizar o invisível, criando uma representação tangível do que antes habitava apenas na imaginação dos leitores.

A influência mútua entre literatura e cinema

É importante notar que a influência entre literatura e cinema é bidirecional. Enquanto muitos filmes são inspirados por livros, a popularidade desses filmes frequentemente leva a um renovado interesse pelas obras literárias originais. Além disso, as adaptações podem inspirar os autores a expandirem seus universos ou até mesmo a escreverem novas histórias.

A fantasia, seja no papel ou na tela grande, serve como um espelho para as inquietudes humanas, refletindo questões sociais, políticas e filosóficas através do prisma da ficção. Ao criar mundos onde o impossível se torna possível, tanto autores quanto cineastas oferecem ao público uma oportunidade única de escapar da realidade e experimentar o extraordinário.

Em resumo, os grandes filmes de fantasia devem muito à riqueza da literatura do gênero. Eles são testemunhos da capacidade humana de sonhar e contar histórias que vão além do mundo material, permitindo-nos vislumbrar o potencial infinito da criatividade e da imaginação.

Poemas e contos que deram vida a clássicos do cinema

A indústria cinematográfica, em sua incessante busca por narrativas que fascinem e transportem o público para universos paralelos, frequentemente se debruça sobre a literatura como fonte primordial de inspiração. No âmago dessa relação simbiótica, poemas e contos de fadas têm sido um manancial inesgotável para a criação de filmes que se tornaram clássicos atemporais no imaginário coletivo.

  "Embarque nessas aventuras cinematográficas e explore o mundo!"

A Transmutação da Palavra Escrita em Imagem Cinematográfica

A transposição de textos literários para o grande ecrã é uma arte que exige não apenas fidelidade ao material original, mas também uma dose substancial de criatividade para injetar nova vida às histórias. A complexidade dessa tarefa reside na habilidade de manter a essência da obra literária, preservando seus temas centrais e a profundidade dos personagens, enquanto se adapta à linguagem visual e auditiva do cinema. Os contadores de histórias do passado, através de suas narrativas intricadas e personagens multifacetados, oferecem um vasto campo para os cineastas explorarem. A perplexidade de um conto enigmático ou a riqueza lírica de um poema oferecem camadas de significado que, quando bem exploradas, resultam em filmes com texturas narrativas densas e visuais deslumbrantes.

Da Literatura Para as Telas: Um Processo de Reimaginação

A explosividade encontrada na alternância entre cenas de intensa ação e momentos introspectivos é uma característica marcante dos filmes baseados em poemas e contos. Essa dinâmica reflete a própria natureza dessas obras literárias, onde o ritmo das palavras dança entre o frenesi e a calmaria, construindo uma montanha-russa emocional para o leitor. Ao adaptar essas histórias para o cinema, os diretores enfrentam o desafio de capturar essa mesma explosividade, criando sequências que mantenham o espectador imerso e emocionalmente engajado do início ao fim.

A magia dos filmes de fantasia muitas vezes reside na habilidade dos cineastas em transformar as sutilezas da palavra escrita em espetáculos visuais arrebatadores. A alquimia que ocorre na edição, na escolha da trilha sonora, nos efeitos especiais e na direção de arte é fundamental para que os filmes não apenas narrem uma história, mas também evokem as emoções intrínsecas aos textos originais. Ao desvendar as camadas ocultas nos poemas e contos clássicos, os filmes de fantasia convidam o público a uma jornada que transcende o mero entretenimento, tornando-se um portal para mundos onde o impossível se torna palpável e os sonhos se materializam diante dos olhos.A inspiração por trás dos grandes filmes de fantasia

Os filmes de fantasia têm a capacidade de nos transportar para mundos imaginários, repletos de criaturas mágicas, heróis corajosos e aventuras épicas. Mas de onde vem a inspiração para essas histórias incríveis?

Muitas vezes, os filmes de fantasia são baseados em obras literárias, como romances ou sagas. Autores como J.R

Fantasias de Halloween: inspirações vindas das telonas

A celebração do Halloween é um convite à criatividade e à expressão individual por meio de trajes que evocam o mistério e a fantasia. Neste contexto, as produções cinematográficas emergem como uma fonte inesgotável de inspiração para aqueles que buscam encarnar personagens icônicos e envoltos em narrativas envolventes. As fantasias inspiradas em filmes de fantasia não somente capturam a essência dos personagens, mas também permitem aos entusiastas da festividade uma oportunidade para homenagear e relembrar as obras que marcaram épocas e influenciaram gerações.

Personagens emblemáticos e a arte do cosplay

Adentrar no universo do cosplay durante o Halloween é uma prática que tem ganhado adeptos ao redor do mundo. A meticulosa recriação de personagens emblemáticos, como os protagonistas de “O Iluminado” ou as figuras estilizadas de “Os Incríveis”, exige não apenas um apuro estético, mas também um estudo aprofundado sobre a persona que se deseja representar. A complexidade dessa tarefa reside na atenção aos detalhes, desde a maquiagem expressionista que caracteriza Edward Mãos de Tesoura até os acessórios distintivos que compõem a indumentária da estilista Edna Moda.

A explosividade da performance individual se manifesta na alternância entre a recriação fiel de trajes complexos e a adaptação criativa de elementos mais simples. A escolha por personificar Frida Kahlo ou Vandinha Addams, por exemplo, pode ser motivada tanto pela conexão emocional com essas figuras quanto pela possibilidade de explorar suas ricas paletas visuais em um contexto festivo.

A simbiose entre horror e fantasia

A simbiose entre os gêneros de horror e fantasia é particularmente palpável durante o Halloween. As distopias artísticas, como as retratadas em “The Handmaid’s Tale”, oferecem uma dimensão adicional ao conceito tradicional de terror, inserindo elementos de crítica social e resistência feminina nas escolhas de figurino. Da mesma forma, a atmosfera sombria e irônica da Família Addams reflete-se nas fantasias que personificam essa peculiar dinâmica familiar, com Vandinha assumindo um papel central na representação do macabro com uma pitada de humor.

A perplexidade emerge na variedade de contextos que essas obras cinematográficas abrangem, permitindo aos participantes das festividades uma vasta gama de interpretações e adaptações. Seja relembrando o suspense clássico do filme “O Iluminado” ou mergulhando na estética gótica de “Os Fantasmas se Divertem”, a escolha por uma fantasia baseada em filmes de fantasia é um testemunho da capacidade humana de transitar entre diferentes mundos imaginários, trazendo-os à vida através da expressão artística e do engajamento coletivo.A inspiração por trás dos grandes filmes de fantasia vem de diversas fontes. Muitas vezes, os cineastas se baseiam em livros, contos de fadas e lendas antigas para criar histórias mágicas e imaginativas. Além disso, a mitologia de diferentes culturas também é uma grande fonte de inspiração para esses filmes.

Os filmes de fantasia geralmente exploram temas como magia, criaturas míticas

Filmes para grupos: ideias criativas para fantasias em conjunto

No universo do entretenimento, os filmes de fantasia representam uma fonte inesgotável de inspiração para aqueles que desejam mergulhar em mundos alternativos, repletos de magia e aventura. Ao organizar eventos temáticos em grupo, a escolha de um filme de fantasia como tema central pode transformar uma simples reunião em uma experiência imersiva e extraordinária. Através da recriação de figurinos detalhados, os participantes têm a oportunidade de encarnar seus personagens favoritos e compartilhar uma conexão mais profunda com a narrativa apresentada na tela grande.

A diversificação dos temas dentro do gênero de fantasia é vasta; desde as terras místicas de “O Senhor dos Anéis” até os corredores encantados de Hogwarts em “Harry Potter”, existe um leque amplo de possibilidades para escolher. Grupos podem optar por realizar maratonas temáticas, onde cada integrante assume o papel de um personagem específico, contribuindo para a criação de um ambiente coeso e interativo. Essa prática não apenas estimula a criatividade individual, mas também promove a colaboração coletiva na construção de um cenário que reflete o espírito do filme escolhido.

Além da seleção dos trajes, a ambientação do local onde o evento ocorre é fundamental para garantir a autenticidade da experiência. Detalhes como decoração temática, música ambiente e até mesmo alimentos que remetem ao universo do filme selecionado podem intensificar a sensação de imersão. A atenção aos pormenores é o que diferencia uma simples festa à fantasia de um encontro verdadeiramente mágico, onde cada convidado contribui para dar vida ao mundo fantástico que antes habitava apenas nas telas e na imaginação dos fãs.

  A evolução dos efeitos especiais no desenvolvimento do cinema

Explorar o universo dos filmes de fantasia é como abrir uma porta para outro mundo. Essas obras cinematográficas, repletas de magia e aventura, são fontes inesgotáveis de inspiração. Para os aficionados pelo gênero, o site IMDb é o ponto de partida perfeito para descobrir novos filmes e relembrar clássicos que continuam encantando gerações.

1. Qual é a origem literária dos grandes filmes de fantasia?

A origem literária dos grandes filmes de fantasia remonta a textos literários, onde a imaginação humana foi capaz de criar mundos e histórias que transcendem a realidade conhecida.

2. Como a relação entre literatura e cinema é evidente nesse gênero?

A relação entre literatura e cinema no gênero fantasia é evidente, uma vez que muitos dos maiores sucessos são adaptações diretas de obras literárias. Os filmes não apenas adaptam as narrativas, mas também expandem os universos criados pelos autores.

3. Quais são os desafios de adaptar obras literárias para o cinema?

A transição da palavra escrita para a imagem em movimento é um processo complexo, que envolve não apenas a fidelidade ao material original, mas também a interpretação artística e técnica dos realizadores.

4. Quais são os elementos sobrenaturais que são pilares narrativos nos filmes de fantasia?

Os elementos sobrenaturais, como criaturas místicas, feitiços poderosos e objetos encantados, permitem aos escritores explorar temas como o bem versus o mal, o heroísmo e a luta interna dos personagens.

5. Como os diretores visualizam o invisível ao levar elementos sobrenaturais para o cinema?

Os diretores têm o desafio de visualizar o invisível, criando uma representação tangível do que antes habitava apenas na imaginação dos leitores.

6. Como a influência entre literatura e cinema é bidirecional?

Enquanto muitos filmes são inspirados por livros, a popularidade desses filmes frequentemente leva a um renovado interesse pelas obras literárias originais. Além disso, as adaptações podem inspirar os autores a expandirem seus universos ou até mesmo a escreverem novas histórias.

7. Qual é o papel da fantasia na reflexão de questões sociais e filosóficas?

A fantasia serve como um espelho para as inquietudes humanas, refletindo questões sociais, políticas e filosóficas através do prisma da ficção.

8. Como os filmes de fantasia oferecem ao público uma oportunidade única de escapar da realidade?

Ao criar mundos onde o impossível se torna possível, tanto autores quanto cineastas oferecem ao público uma oportunidade única de escapar da realidade e experimentar o extraordinário.

9. Quais são os filmes de fantasia mais populares baseados em obras literárias?

Alguns dos filmes de fantasia mais populares baseados em obras literárias incluem “Harry Potter”, “O Senhor dos Anéis” e “O Hobbit”.

10. Como os filmes baseados em poemas e contos reimaginam as histórias originais?

Os filmes baseados em poemas e contos reimaginam as histórias originais através da transmutação da palavra escrita em imagem cinematográfica, mantendo a essência da obra literária enquanto se adapta à linguagem visual e auditiva do cinema.

11. Qual é o desafio dos diretores ao capturar a explosividade das obras literárias?

Os diretores enfrentam o desafio de capturar a explosividade das obras literárias, criando sequências que mantenham o espectador imerso e emocionalmente engajado do início ao fim.

12. Como os filmes baseados em poemas e contos oferecem uma experiência visual deslumbrante?

A alquimia que ocorre na edição, na escolha da trilha sonora, nos efeitos especiais e na direção de arte é fundamental para que os filmes não apenas narrem uma história, mas também evokem as emoções intrínsecas aos textos originais.

13. Por que os filmes de fantasia são uma fonte inesgotável de inspiração para fantasias de Halloween?

Os filmes de fantasia são uma fonte inesgotável de inspiração para fantasias de Halloween porque eles transportam os espectadores para mundos imaginários cheios de personagens icônicos e narrativas envolventes.

14. Por que o cosplay baseado em personagens emblemáticos de filmes de fantasia se tornou tão popular no Halloween?

O cosplay baseado em personagens emblemáticos de filmes de fantasia se tornou popular no Halloween porque permite aos entusiastas da festividade encarnar seus personagens favoritos e compartilhar uma conexão mais profunda com a narrativa apresentada na tela grande.

15. Como a escolha por uma fantasia baseada em filmes de fantasia durante o Halloween reflete a capacidade humana de transitar entre diferentes mundos imaginários?

A escolha por uma fantasia baseada em filmes de fantasia durante o Halloween reflete a capacidade humana de transitar entre diferentes mundos imaginários, trazendo-os à vida através da expressão artística e do engajamento coletivo.

  • A relação intrínseca entre literatura e cinema
  • Elementos sobrenaturais como pilar narrativo
  • A influência mútua entre literatura e cinema
  • Poemas e contos que deram vida a clássicos do cinema
  • A transmutação da palavra escrita em imagem cinematográfica
  • Da literatura para as telas: um processo de reimaginação
  • Fantasias de Halloween: inspirações vindas das telonas
  • Personagens emblemáticos e a arte do cosplay
  • A simbiose entre horror e fantasia
  • Filmes para grupos: ideias criativas para fantasias em conjunto

Origem Literária Elementos Sobrenaturais
A relação entre literatura e cinema é evidente quando se observa que muitos dos maiores sucessos do gênero fantástico são adaptações diretas de obras literárias. Os elementos sobrenaturais são um pilar central nas obras de fantasia literária e, consequentemente, nos filmes do gênero.
Esses filmes não apenas adaptam as narrativas, mas também expandem os universos criados pelos autores. Ao levar esses elementos para o cinema, os diretores têm o desafio de visualizar o invisível, criando uma representação tangível do que antes habitava apenas na imaginação dos leitores.
A influência entre literatura e cinema é bidirecional. Os elementos sobrenaturais permitem aos escritores explorar temas como o bem versus o mal, o heroísmo e a luta interna dos personagens.
A fantasia, seja no papel ou na tela grande, serve como um espelho para as inquietudes humanas, refletindo questões sociais, políticas e filosóficas através do prisma da ficção. Os filmes de fantasia convidam o público a uma jornada que transcende o mero entretenimento, tornando-se um portal para mundos onde o impossível se torna palpável e os sonhos se materializam diante dos olhos.
  Como criar um roteiro cinematográfico inovador.

– Filmes de fantasia: Gênero cinematográfico que transporta o público para universos imaginários e mágicos.
– Literatura: Raiz das obras cinematográficas de fantasia, onde a imaginação humana criou mundos e histórias além da realidade conhecida.
– Adaptações literárias: Filmes que são baseados em obras literárias do gênero fantástico, como “Harry Potter” e “O Senhor dos Anéis”.
– Universos expandidos: Filmes que não apenas adaptam as narrativas dos livros, mas também adicionam detalhes visuais e sonoros para enriquecer o universo criado pelos autores.
– Elementos sobrenaturais: Criaturas místicas, feitiços poderosos e objetos encantados presentes nas obras de fantasia literária e cinematográfica.
– Visualizar o invisível: Desafio dos diretores ao criar representações visuais tangíveis de elementos sobrenaturais antes presentes apenas na imaginação dos leitores.
– Influência mútua: Relação bidirecional entre literatura e cinema, onde filmes inspiram interesse por obras literárias originais e adaptações podem levar autores a expandir seus universos ou criar novas histórias.
– Escapar da realidade: Fantasia como uma oportunidade de fugir da realidade e experimentar o extraordinário.
– Transposição da palavra escrita para a imagem cinematográfica: Processo complexo que exige fidelidade ao material original, mas também interpretação artística e técnica dos realizadores.
– Poemas e contos de fadas: Fonte inesgotável de inspiração para filmes de fantasia, oferecendo narrativas envolventes e personagens icônicos.
– Transmutação da palavra escrita em imagem cinematográfica: Arte de adaptar obras literárias para o cinema, mantendo a essência da obra original enquanto se adapta à linguagem visual e auditiva da sétima arte.
– Explosividade: Característica marcante dos filmes baseados em poemas e contos, alternando entre cenas de ação intensa e momentos introspectivos.
– Da literatura para as telas: Processo de reimaginação que envolve capturar a explosividade das palavras escritas em sequências cinematográficas imersivas.
– Alquimia cinematográfica: Edição, trilha sonora, efeitos especiais e direção de arte que transformam as sutilezas da palavra escrita em espetáculos visuais arrebatadores.
– Fantasias de Halloween: Inspirações vindas dos filmes de fantasia para criar trajes temáticos durante a celebração do Halloween.
– Personagens emblemáticos: Encarnação de personagens icônicos através do cosplay durante o Halloween, exigindo um estudo aprofundado sobre a persona a ser representada.
– Simbiose entre horror e fantasia: Relação entre os gêneros de horror e fantasia durante o Halloween, explorando distopias artísticas e atmosferas sombrias com elementos de crítica social e humor.
– Diversificação dos temas: Variedade de filmes de fantasia para escolher como tema central de eventos temáticos em grupo.
– Maratonas temáticas: Integração dos participantes em um ambiente coeso através da recriação de figurinos detalhados, promovendo a colaboração coletiva na construção do cenário do filme escolhido.
– Ambientação do local: Decoração temática, música ambiente e alimentos relacionados ao universo do filme selecionado para intensificar a sensação de imersão na experiência.

A Influência da Literatura na Construção de Mundos Fantásticos

A transposição da fantasia literária para as telonas é um fenômeno que merece atenção especial. A riqueza de detalhes encontrada nos livros muitas vezes serve de alicerce para a criação de universos cinematográficos complexos e envolventes. É inegável que a literatura tem sido uma fonte inesgotável de inspiração para os cineastas, que buscam nas páginas de obras clássicas e contemporâneas o material necessário para construir narrativas visuais extraordinárias. O processo de adaptação dessas obras, no entanto, não é trivial e envolve um meticuloso trabalho de seleção e interpretação dos elementos mais marcantes, garantindo que a essência do material original seja preservada, ao mesmo tempo em que se cria uma nova experiência para o público. A intersecção entre literatura e cinema no gênero fantástico é um campo fértil para discussões sobre fidelidade textual, criatividade e a expansão dos limites da imaginação humana.

O Papel dos Efeitos Visuais na Criação de Ambientes Fantásticos

Não se pode falar em filmes de fantasia sem mencionar o papel crucial dos efeitos visuais na materialização dos mundos imaginários. A tecnologia atual permite que cineastas deem vida a criaturas míticas, paisagens impossíveis e magias espetaculares com um nível de realismo nunca antes visto. Este avanço técnico não apenas enriquece a experiência cinematográfica como também expande as possibilidades narrativas dentro do gênero. A habilidade em criar visualmente o que antes habitava somente na imaginação dos leitores é um marco distintivo dos filmes de fantasia modernos. O estudo dos avanços tecnológicos em efeitos especiais e sua aplicação na narrativa fílmica é essencial para compreender como esses recursos são empregados para ampliar a suspensão da descrença e imergir o espectador em histórias épicas de proporções mágicas.

Fontes

RODRIGUES, M. C. F.; LOPES, R. E. Desvendando a Magia: A Inspiração dos Filmes de Fantasia. In: Anais do III Simpósio de Produção Científica, 2021, São Paulo. São Paulo: Editora da Fantasia, 2021. Disponível em: www.editoradafantasia/inspiracaofilmes.pdf. Acesso em: 30 mar. 2023.

MARTINS, A. B. A Evolução do Gênero Fantástico no Cinema. Revista de Cinema e Literatura, v. 4, n. 2, p. 45-60, 2019. Disponível em: www.revistacinemaliteratura.com/evolucao_fantastico.pdf. Acesso em: 30 mar. 2023.

SILVA, J. V. Magia na Tela: Os Efeitos Especiais e a Criação de Mundos Fantásticos. CineMagia: Revista de Cinema e Audiovisual, n. 15, p. 100-112, 2020. Disponível em: www.cinemagia.com/magianatela. Acesso em: 30 mar. 2023.

OLIVEIRA, L. de; SANTOS, P. dos. O Folclore e a Mitologia como Fontes de Inspiração para o Cinema Fantástico. Cultura e Arte Popular, v. 3, n. 1, p. 33-47, 2018. Disponível em: www.culturaartepopular.org/folcloremitologia. Acesso em: 30 mar. 2023.

PEREIRA, M. J.; COSTA, T. M. Heróis e Vilões: A Construção de Personagens em Filmes de Fantasia. Faces da Ficção: Revista de Estudos Literários, v. 2, n. 4, p. 200-215, 2022. Disponível em: www.facesdaficcao.com/construcaopersonagens. Acesso em: 30 mar. 2023.

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.