Notícias e entretenimento nerd!

10 Crossovers de TV terríveis que falharam em todos os sentidos

0

10 Crossovers de TV Terríveis que Não Fizeram Sentido

Os episódios crossover, que misturam personagens de diferentes programas de televisão, foram uma das primeiras tentativas na TV para contar histórias que se conectam umas às outras. Embora muitos programas tenham experimentado com essa estratégia, nem todos foram bem-sucedidos.

Um dos benefícios dos crossovers é permitir que os programas promovam um ao outro simultaneamente através da apresentação de personagens ao público do outro show. No entanto, para que essa estratégia funcione, é necessário manter as tonalidades dos dois programas semelhantes.

Alguns exemplos de crossovers que falharam completamente são: “Jessie” e “Ultimate Homem-Aranha”, em que o tom açucarado do primeiro não combinou com o segundo, e “Roseanne” e “Absolutely Fabulous”, que falharam miseravelmente por causa das diferenças gritantes entre os dois programas.

Crossovers que Não Funcionaram

Outros exemplos listados no artigo são: “Bones/Family Guy”, “Full House/Family Matters”, “Boy Meets World/Sabrina The Teenage Witch”, “St Elsewhere/Homicide: Life on the Street”, “Magnum PI/Murder She Wrote”, “Doctor Who/EastEnders” e “Fresh Prince of Bel Air/Blossom.”

Embora esses eventos possam aumentar a audiência do programa, eles também podem deixar os espectadores confusos e insatisfeitos. É importante que os produtores sigam uma estratégia bem-sucedida para garantir o sucesso desses crossovers.

Assunto Benefícios Exemplos
Crossovers em programas de TV Permite a promoção simultânea de programas e aumenta a audiência Bones/Family Guy, Full House/Family Matters, Boy Meets World/Sabrina The Teenage Witch, St Elsewhere/Homicide: Life on the Street, Magnum PI/Murder She Wrote, Doctor Who/EastEnders e Fresh Prince of Bel Air/Blossom.
  Loki pode se unir aos Vingadores na Fase 6

Com informações do SCREENRANT:

Leave A Reply

Your email address will not be published.