Notícias e entretenimento nerd!

FLASH REWIND: filme aposta na nostalgia, mas tropeça em excesso

0

The Flash: filme destaca conflitos internos do herói, mas exagera na nostalgia

The Flash, novo filme da DC Comics dirigido por Andy Muschietti e roteirizado por Christina Hodson, apresenta a história de Barry Allen, um homem com poderes especiais que viaja no tempo para salvar sua família e mudar o curso da história. No entanto, ele acaba ficando preso em uma realidade ameaçada pelo retorno do General Zod.

O longa se destaca por focar nos conflitos internos do personagem ao invés de simplesmente colocá-lo diante de uma ameaça destrutiva a ser vencida. Barry está sempre lutando para fugir dos traumas do passado enquanto tenta lidar com as consequências de suas decisões.

O roteiro trabalha as nuances do herói por trás do uniforme de Flash e coloca uma lupa nos dilemas pessoais de Barry. É justamente essa característica que diferencia o filme dos outros filmes de super-heróis e torna a jornada desse personagem única.

No entanto, The Flash peca ao se apoiar demasiadamente na nostalgia para tentar arrancar lágrimas emocionadas dos fãs. Algumas das referências são claramente inseridas apenas como um agrado aos fãs sem necessariamente contribuir para a construção narrativa do filme.

Alguns podem questionar se o longa é mais voltado para os fãs dos quadrinhos ou se agradará também aqueles que não conhecem muito sobre o universo DC. No entanto, independente do conhecimento prévio sobre o personagem, é possível se emocionar com a história de um homem que tenta mudar seu próprio destino e salvar aqueles que mais ama.

  Damon Lindelof's Star Wars Exit: A Bullet Dodged?

Em termos técnicos, o filme não decepciona. A direção de Andy Muschietti é segura e consegue explorar os poderes especiais do personagem de maneira bastante criativa. Destaque também para a trilha sonora e os efeitos visuais que complementam a atmosfera do longa.

No geral, The Flash acelera com seus conflitos internos mas tropeça no uso exagerado da nostalgia. Apesar disso, o filme consegue oferecer uma jornada única para esse personagem tão querido pelos fãs dos quadrinhos e conquista pela sua originalidade narrativa.

Notícia The Flash acelera com conflitos internos, mas tropeça no uso exagerado da nostalgia.
Direção Andy Muschietti
Roteiro Christina Hodson
Protagonista Barry Allen
Enredo Barry viaja no tempo para salvar sua família e mudar o curso da história, mas acaba ficando preso em uma realidade ameaçada pelo retorno do General Zod.
Destaques Conflitos internos do personagem, roteiro que trabalha as nuances do herói, direção segura e criativa, trilha sonora e efeitos visuais.
Pontos negativos Uso exagerado da nostalgia, algumas referências inseridas apenas como agrado aos fãs sem contribuir para a construção narrativa.
Veredito The Flash oferece uma jornada única para o personagem, conquistando pela sua originalidade narrativa, apesar de tropeçar na nostalgia.

Com informações do SITE Legião dos Heróis:

Leave A Reply

Your email address will not be published.