Notícias e entretenimento nerd!

HALLE BERRY REVELA O ARREPENDIMENTO DE PARTICIPAR DO DESASTROSO FILME MULHER-GATO!

0

Um dos piores filmes da DC: Halle Berry se arrepende de participar de “Mulher-Gato”

No ano de 2003, Halle Berry, vencedora do Oscar de Melhor Atriz por seu trabalho em “A Última Ceia”, decidiu aceitar o papel principal em “Mulher-Gato”, após sentir orgulho em participar de um filme no qual uma mulher teria poder. Porém, essa decisão acabou se tornando um dos grandes arrependimentos de sua carreira.

O filme, dirigido pelo francês Pitof, tinha a intenção nobre de apresentar uma super-heroína multidimensional e evitar sexualizá-la, mas acabou se distanciando muito da Mulher-Gato original dos quadrinhos. A personagem Selina Kyle foi substituída por Patience Philips, que descobre seus super-poderes ao ser ressuscitada após seu assassinato.

Lançado em 2004, “Mulher-Gato” foi um verdadeiro desastre comercial. Com receitas mundiais de apenas US$ 82 milhões, não conseguiu pagar seu orçamento de US$ 100 milhões. Além disso, o filme recebeu críticas negativas e foi considerado um dos piores já feitos.

Na cerimônia do prêmio Framboesa de Ouro, “Mulher-Gato” acumulou sete indicações e saiu vitorioso nas categorias de Pior Filme, Pior Atriz, Pior Diretor e Pior Roteiro. Surpreendentemente, tanto John Rogers (roteirista) quanto Halle Berry compareceram pessoalmente para receber os prêmios. Durante seu discurso bem-humorado, Berry não deixou de levar consigo a estatueta do Oscar que havia ganhado anteriormente.

Com uma média de avaliação de 2,2/5 pelo público do AdoroCinema, “Mulher-Gato” é considerado um dos filmes mais mal avaliados dos anos 2000. Apesar disso, o filme ainda pode ser assistido na plataforma HBO Max.

  Luke Skywalker retorna em Deepfake para o universo Star Wars

Esse desastre cinematográfico nos faz refletir sobre a importância de revisar e valorizar as boas histórias antes de levá-las para as telas. No caso da Halle Berry, esse arrependimento certamente serviu como aprendizado e influenciou suas futuras escolhas profissionais. De qualquer forma, “Mulher-Gato” permanece como um exemplo da dificuldade em adaptar personagens icônicos para o cinema de maneira satisfatória.

Resumo da Notícia
No ano de 2003, Halle Berry aceita papel em “Mulher-Gato” por orgulho em participar de um filme com uma mulher poderosa.
O filme dirigido por Pitof se afasta da personagem original dos quadrinhos e recebe críticas negativas.
“Mulher-Gato” é um desastre comercial, não alcançando seu orçamento e sendo considerado um dos piores filmes já feitos.
Recebe sete indicações ao Framboesa de Ouro e vence nas categorias de Pior Filme, Pior Atriz, Pior Diretor e Pior Roteiro.
Média de avaliação de 2,2/5 pelo público do AdoroCinema.
Disponível na plataforma HBO Max.
Exemplo da dificuldade em adaptar personagens icônicos para o cinema.

Com informações do AdoroCinema.

Leave A Reply

Your email address will not be published.